Carla & Leonel

Carla & Leonel

Aldeia Histórica – Almeida

 
#Continuandoàprocura das Aldeias Históricas de Portugal, visitei num dia de muito frio, ou não estivéssemos no distrito da Guarda, a belíssima aldeia de Almeida.
 

Almeida é uma vila portuguesa situada no distrito da Guarda, região da Beira Interior, mais concretamente num território designado Terras de Riba-Côa. O seu carácter fronteiriço é bastante notório, uma vez que toda a sua confrontação a Leste é com Espanha, constituindo parte da fronteira Portugal-Espanha, mais conhecida por Raia ou “região arraiana”.

Perante a necessidade de modernizar as obsoletas estruturas medievais, após a Restauração de 1640, Almeida empenhou-se na construção de uma renovada máquina de guerra que se pudesse adaptar às novas armas de fogo, e que lhe permitisse selar a fronteira.

A sua configuração extraordinária de planta hexagonal é constituída por seis baluartes, aos quais correspondem o mesmo número de revelins. Dentro da muralha, a vila preserva um número significativo de edifícios de carácter militar, bem como uma arquitetura civil de grande interesse.

A fortaleza, que em tempos desempenhou um papel de charneira e defensivo único, é conhecida atualmente pelas duas grandes portas que a ligam com o exterior da Praça e três Poternas embora as últimas de carácter exclusivamente militar.

Para Ver

Portas Duplas de São Francisco

Implantadas a meio da cortina, forçadas a suplantar o fosso e a atravessar o revelim as portas da fortaleza são duplas. Cada uma delas é aberta em arco pleno, com trânsito curvo. Lateralmente as Portas dispõem de uma casa-da-guarda, com quarto para o oficial, lareira, aberturas gradeadas, com seteiras nos panos murários e cobertura à prova de bomba. O corpo da guarda assegura um núcleo museológico dedicado à Guerra Peninsular, na casa da guarda está também localizado o Posto de Turismo.

Antigo Convento de Nossa Senhora do Loreto/ Quartel e Hospital Militar

O convento de Freiras Terceiras Regulares de S. Francisco dedicado a Nossa Senhora do Loreto, data do início do século XVI. Apresentava planta em U, desenvolvendo-se em torno de um claustro quadrangular. O que restou do antigo convento mostra uma planta em L, que corresponde à igreja, já com remodelações oitocentistas. Junto ao arco triunfal encontra-se a capela do Menino Jesus, do qual apenas sobreviveu um portal mandado construir por Dantas da Cunha em 1699.

Casa Nobre

Edifício de dois pisos, sem extravagâncias decorativas, segue a tipologia de casa nobre. O eixo central é reforçado pela janela de sacada, e portal de moldura lisa e de lintel largo. Localiza-se na rua do Poço.

Casamatas: atualmente Museu Histórico Militar

Localiza-se no subsolo do Baluarte de S. João de Deus, as casamatas são vinte casas subterrâneas, construídas em abóboda de volta perfeita e apenas três não têm túnel de ventilação. A sua funcionalidade esteve ligada à paz e à guerra. Serviram para abrigar a população e para armazém de viveres. Possui cisterna própria e poço. Hoje alberga o Museu Histórico Militar.

          

          

Casa da Roda dos Expostos

Instituídas por Pina Manique, as casas de roda tiveram um papel social importante. Está estrategicamente colocada junto a uma poterna, apresenta um piso, planta quadrangular e pavimento de seixos rolados. É atualmente um núcleo museológico e localiza-se na rua das muralhas.

CEAMA – Centro de Estudos de Arquitetura Militar de Almeida

Localiza-se nas Casas da Guarda das Portas Exteriores do Revelim de Santo António e pretende mostrar ao visitante os elementos que constituem a Fortaleza de Almeia.

Revelim Doble/ Hospital de Sangue

De influência Vaubaniana, é assim designado por ser uma estrutura dupla. Do ponto de vista técnico é um dos baluartes mais perfeitos por “tirar das faces dos baluartes que o flanqueia todo o fogo, cobrindo todos os flancos”. Apresenta no terrapleno uma construção abobadada que terá servido de paiol. A ponte levadiça fazia a ligação entre o reduto e o cemitério.

Picadeiro D´El Rey

O Picadeiro, ao longo dos tempos, teve diferentes funcionalidades. Serviu de Trem de Artilharia, funcionou também como Quartel de Destacamento de Artilharia. A nível de estruturas tem o portal coroado com as armas reais, o edifício das manjedouras, o muro circular e as paredes laterais com contrafortes. Localiza-se no Baluarte de Nossa Senhora das Brotas.

          

Portas Duplas de Santo António

São estruturalmente semelhantes às de S. Francisco às de São Francisco embora mais monumentais e de traça distinta. Apresenta trânsito curvo, cobertura à prova de bomba.

Castelo

As atuais ruínas do castelo, consequência da explosão de 1810 permitem a leitura  de uma planta quadrangular irregular, cercado de um fosso lajeado com contra escarpa revestida a cantaria, apresentando nos ângulos as fundações de quatro torres de planta circular.

Torre do Relógio

Situada na zona do castelo e da já desaparecida Igreja Matriz de Nossa Senhora das Candeias, a Torre do Relógio sobressai entre a muralha urbana. De planta quadrada, mostra quatro aberturas sineiras acessíveis por uma escadaria interior de madeira. Oscila entre a sobriedade do neoclassicismo e o exotismo do barroco. Localiza-se no antigo cemitério da vila.

Casa Brasonada Brigadeiro Vicente Delgado Freire

Casa de planta retangular, de cobertura a duas águas, de arquitetura civil residencial. O portal é ladeado por quatro janelas com avental almofadado chanfrado nos ângulos. Dispõe lateralmente de pano murário a pedra de armas, com ornatos tardo-barrocos. Localiza-se na Praça Dr. José Casimiro Matias.

Casa do Marechal de Campo Manuel Leitão de Carvalho/ Palácio dos Leitões

Trata-se de um edifício de arquitetura civil residencial. De composição regular mostra duas portas no primeiro piso e de duas janelas no piso superior que enquadram a pedra de armas da família, decorada com ornatos barrocos. Localiza-se na Rua dos Combatentes Mortos pela Pátria.

Casa Brasonada António Pereira Fontão Júnior

O edifício designado de “casa grande” é uma construção extensa, cuja unidade é sustentada pela repetição de vãos estandardizados, sem demarcação explícita da porta principal e à qual os elementos demarcados em cantaria e as varandas emprestam uma nota de riqueza decorativa. Localiza-se na Rua Serpa Pinto.

Casa João Dantas da Cunha

A Arquitetura civil residencial é, arquitetonicamente, a mais afirmativa. Terá sido edificada após o cerco de 1762. Apresenta uma fachada de aparato onde se destacam os elementos estruturais, sempre com recurso a formas geométricas simples e lineares.

Corpo da Guarda Principal

A construção do edifício iniciou-se em 1791, erguendo-se no local dos antigos alpendres do mercado. É um dos mais emblemáticos da Praça da Guerra e um dos mais monumentais Corpos de Guarda. Caracterizado pela severidade do traçado, apresenta uma fachada marcada pelo átrio de tripla arcada seccionado por pilares de ordem toscana. Atualmente serve de instalações à Câmara Municipal. Localiza-se na Praça da Liberdade.

Vedoria Geral da Beira

Trata-se de um edifício de arquitetura militar administrativa e residencial, composto por dois pisos, com planta quadrangular e cobertura em telhado de quatro águas. A Vedoria era um equipamento militar que assegurava a gestão financeira das praças de Guerra. Atualmente é o Palácio da Justiça e localiza-se na Praça da República.

Quartel da Esquadras

Mandado construir no século XVIII pelo Conde de Lippe, este edifício apresenta características barrocas e serviu como Quartel de Infantaria. Na sua fachada ostenta brasão real.

Igreja da Misericórdia

Edifício de planta longitudinal retangular e cobertura a duas águas. Os dois volumes justapostos correspondem espacialmente à nave, com pavimento de lajetas e cobertura de madeira, e à capela-mor demarcada pelo arco triunfal em cantaria, ladeada por dois retábulos de talha dourada do século XIX. A igreja encontrava-se adossada ao antigo Hospital, atual Lar da Misericórdia e localiza-se no Largo da República.

Casa dos Vedores Gerais

A fachada Sudoeste organiza-se em quatro módulos. Apresenta uma composição simétrica retilínea, modelada por quatro vãos em cada piso. O andar nobre apresenta ao centro a pedra de armas.

Praça Alta

Localiza-se no baluarte de Santa Bárbara, constituído por 23 canhoeiras, pela Praça Alta com plataforma no ângulo flanqueada para tiros a barbete e pela Bateria Baixa com plataforma para lançamento de morteiros.

          

Para Ficar

O Revelim

Turismo de Habitação composto por cinco quartos mobilados com requinte, numa mistura de rústico com moderno, localiza-se no coração da vila de Almeida.

Cada um dos quartos, denominados de revelins, numa alusão a cinco dos seis magníficos revelins que protegem a Praça de Almeida, tem o seu próprio estilo que garante um acolhimento que permite desfrutar alguns momentos singulares.

Os hóspedes podem saborear um pequeno-almoço com bolos caseiros, compotas, mel, queijo, presunto, enchidos, sumos, fruta fresca, entre outros produtos de essência regional.

O Revelim possui, também, duas salas de estar com lareira, duas cozinhas muito bem equipadas e um espaço comercial onde se podem saborear alguns dos melhores produtos regionais. Para quem pretenda deleitar-se com a riqueza da paisagem do Riba-Côa, da panorâmica das paisagens fronteiriças e da espetacular envolvente, que é a Aldeia Histórica de Almeida, existe um terraço onde os hóspedes podem desfrutar de refeições ligeiras, ou deleitar-se com a sua bebida preferida.

T. 271 571 063

Para Comer

Restaurante Granitus

Restaurante com pratos típicos e regionais a preço acessível e muito saboroso localizado no exterior da fortaleza junto às Portas Duplas de São Francisco.

T. 271 574 834

Share this post

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on google
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email

Sobre

Olá, somos a Carla, o Leonel, a Sofia, a Francisca, e adorámos partir à descoberta do mundo juntos!

Aqui, partilhámos os vários destinos que já visitamos, os hotéis onde ficamos hospedados e os restaurantes que experimentámos. Queremos inspirar quem nos visita, a viajar e a experimentar, pois consideramos que a vida é uma soma de experiências e uma constante procura. Nesta procura, buscamos locais, espaços, gastronomia, cultura, pessoas e, acima de tudo, a felicidade que é poder conhecer, valorizar e preservar o mundo maravilhoso que temos.

Artigos Recentes

Like Us on Facebook

Follow me on Instagram