Carla Ferreira

Carla Ferreira

Castelo de Bragança

 
#Continuandoàprocura dos castelos de Portugal, visitamos recentemente o Castelo de Bragança que fica situado no centro histórico da cidade, na margem do rio Fervença e é um dos mais importantes e bem preservados castelos portugueses.
 
 

Recuando ao passado, é importante saber que, após a chegada dos povos germânicos, a cidade de Bragança, outrora designada de “Brigância”, conheceu os conflitos entre árabes e cristãos, e que foi devido a essas incursões devastadoras que a povoação teve de se deslocar para o outeiro da Benquerença, durante o reinado de D. Afonso Henriques.
Foi no século XII que o castelo foi edificado para proteger a renovada povoação, apesar de uns anos mais tarde ter sido novamente arrasada pelos exércitos muçulmanos.
O castelo foi alvo de obras de beneficiação durante o reinado de D. Fernando, tendo sido ampliado no reinado de D. João I. Contudo, o rol de destruições continuou com a invasão espanhola de 1762 e com as guerras napoleónicas, sendo que a paz chegaria apenas durante o século XX.

 

O Castelo, erguido na cota de 700m acima do nível do mar, tem uma planta ovalada, é constituído por uma cerca ameada com um perímetro de 660m, reforçada por 15 cubelos e ocupa um área de 3 hectares com 4 espaços delimitados, dois eixos viários, cujo principal é a antiga rua da Cidadela.

 
 

Já no interior, pode-se visitar as edificações da Domus Municipalis, que se acredita ter tido a função de cisterna, a igreja de Santa Maria e o Pelourinho Medieval.

 
 
 
 
No setor Norte destaca-se a Torre de Menagem com 34m de altura e 17m de largura, tendo no interior o calabouço e a cisterna, no exterior , mais ou menos a meio, uma pedra de armas com o brasão da Casa de Avis e na face Sul duas janelas góticas maineladas.
 

No lado Norte da cerca exterior, junto a um dos cubelos, destaca-se a Torre da Princesa e no setor Sul, um saliente de planta quadrangular é fechado pelo chamado Poço del´Rei, antiga cisterna.

Os espaços internos do castelo de Bragança foram reorganizados e convertidos, desde 1936, em museu militar da região.

 

 

Share this post

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on google
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email

Sobre

Olá, o meu nome é Carla Ferreira. Vivo em Viseu com a minha família, o marido Leonel e as filhas Sofia e Francisca.

Somos apaixonados pelo mundo, pela Natureza, pelas pessoas, culturas e tradições. Somos inquietos, sempre com uma vontade enorme de explorar mais e mais, de estar constantemente à procura. Privilegiamos muito o conhecimento, a valorização, a preservação e a sustentabilidade do planeta Terra. 

Explorar o mundo e partilhá-lo com as pessoas são das coisas que mais gostamos de fazer.

Artigos Recentes

Like Me on Facebook

Follow me on Instagram