Carla Ferreira

Carla Ferreira

Fuerteventura – Ilhas Canárias

#Continuandoàprocura das ilhas espanholas, em julho de 2008, estivemos em Fuerteventura, uma ilha que faz parte do arquipélago das Canárias localizado no Oceano Atlântico, muito mais próximo de África, a cerca de 100km do Marrocos.

A sua localização permite-lhe ter um clima que em muito se assemelhe ao do continente africano, entre o desértico e tropical, com verão longo e inverno ameno. A temperatura média durante o verão é de 25ºC e, no inverno de 18ºC. O mês de dezembro é a época mais chuvosa.

O seu nome deriva dos ventos fortes que ali se fazem sentir  “fuerte ventura” (ventos fortes), o que é acaba por ser uma vantagem pois minimiza o calor, que para além disto, também favorecem a prática de desportos marítimos, como windsurf e kitesurf.

A ilha oferece paisagens diversificadas, desde áridos picos de antigos vulcões a enormes extensões de dunas. Por ter origem vulcânica e por estar tão próxima do deserto do Sahara, possui um contraste de praias fabuloso, de areias escuras com grandes extensões de areias brancas. Portanto, o grande impacto que tivemos ao chegar à ilha foi o visual, um horizonte delineado por montanhas desérticas, dunas de areia e algumas casas de pedra espalhadas entre a paisagem, o que conferem à paisagem um deslumbramento encantador.

Para além das praias, e dos catos, a grande marca de Fuerteventura, existem outros pontos de interesse na ilha. Existem 24 vulcões distribuídos pela ilha toda e 13 espaços naturais protegidos, como as zonas Malpaís Grande e Chico cobertas de lava ou o monumento natural a Montanha de Tindaya, que se situa na zona Oeste de Fuerteventura, com 401 metros de altitude, a montanha foi considerada sagrada pelos Mahos.

Em 2009 recebeu o título de Reserva da Biosfera pela Unesco por causa da rica biodiversidade e vida marinha, além das práticas de turismo sustentável, o que é sempre ótimo na defesa de um planeta como se pretende.

 

Para Ver

Praias

El Cotillo

As praias de El Cotillo são  das melhores de Fuerteventura, sendo a Praia de La Concha a mais conhecidas na região com pôr do sol fabuloso.

 

Calete de Fuste

Calete de Fuste localiza-se na costa Este. As praias desta estão situadas especialmente na baía bem protegida de Playa del Castillo. Mais ao sul fica a Playa de la Guirra. É uma zona que possui imensas infraestruturas.

 

Sotavento beach – Costa Calma

Esta praia fica em Costa Calma, um misto de deserto e praia, e água cristalina, indicada para os praticantes de windsurf e kitesurf. No mês de agosto, a praia é palco de  um campeonato de kitesurf.

 

Esquinzo

Praia localizada no sul de Fuerteventura, conta com um extenso areal fino de cor clara, por vezes, misturada com alguma escura.

 

Jandía        

Jandía Playa localiza-se no sul de Fuerteventura, na península de Jandía. Os quilómetros de praia de areia clara deram o nome ao povoado. Jandía Playa convida para um banho nas maravilhosas águas, fazer surf, ou fazer um bonito passeio até à antiga vila de pescadores de Morro Jable.

 

Morro Jable

Localizada no sul da ilha, esta praia possui imensas infraestruturas, com hotéis, restaurantes e cafés. É bastante extensa, de areia branca e tem um farol, o farol de Morro Jable.

 

El Cofete

Praia localizada na costa Oeste, de difícil acesso. A estrada para lá chegar sinuosa e de terra batida. A vista que se tem do topo do morro é incrível e a praia é desértica e selvagem ao mesmo tempo.

 

Grandes Praias do Corralejo

Estas praias estão situada no norte da ilha com praias para todos os gostos, com quiosques e barzinhos para ficar com o pé na areia. O vilarejo é composto por uma avenida paralela à praia com imenso comércio e vida noturna.

As dunas gigantescas do Corralejo Natural Park são um dos atrativos da região, uma das nossas preferidas em toda a ilha.

 

Outros Locais

Parque Natural de Corralejo

No norte da ilha, há um parque natural, o Parque Natural das Dunas de Corralejo.

Em 1982, foi tomada a decisão de proteger as dunas de El Jable e o ecossistema muito sensível do desenvolvimento. É uma zona muito peculiar, muito inóspita, mas porém muito bonita. Foi bom passear pelo extenso areal!

 

Parque Natural de Jandía

Esta fascinante paisagem de duna semelhante a um deserto foi declarada Parque Natural de Jandía. Além disso, falésias acidentadas, pântanos salgados e amplas praias de areia fina determinam a imagem da área.

A areia clara consiste em grande parte de conchas calcárias raladas de mexilhões e caracóis do mar.

 

Parque Natural do Islote de Lobos

A ilha vizinha de Los Lobos caracteriza-se por uma natureza única e altamente especializada. Com apenas seis quilômetros de extensão, a ilha e o Parque Natural devem o seu nome ao monge Lobo, que mora ali.

 

Miradouro Sicasumbre

O Miradouro Sicasumbre é um mirante no topo de uma montanha na região do Pajara com uma vista realmente incrível. 

 

AJUY- Monumento Natural de Ajuy

A pequena cidade de Ajuy, na acidentada costa oeste de Fuerteventura, atrai restaurantes de peixe e uma praia natural com barcos coloridos. Outro atrativo desta tranquila vila piscatória são as cavernas de grande importância geológica nas Canárias. As rochas são as mais antigas da ilha e o caminho para lá chegar é  bastante estreito, o que exige algumas precauções.

 

Vilarejos

Ao longo da ilha, foram nascendo diversos vilarejos rurais ao longo dos anos, resistindo à passagem do tempo.

 

Betancuria

Betancuria, que existe há mais de 600 anos encanta pelo seu visual romântico, com casinhas brancas com telhados de flores. Esta antiga metrópole insular localizada no centro da ilha, com seus inúmeros edifícios históricos e belos becos, caracteriza-se por uma atmosfera nostálgica. Todo o centro de Betancuria, o assentamento mais antigo de Fuerteventura, é um edifício classificado.

 

Vega de Rio Palmas

No interior da ilha, a cerca de 5 km de Betancuria, a vila de Vega de Rio Palmas, com 200 almas, impressiona com sua igreja e a figura santa mais antiga das Ilhas Canárias.

 

Lajares

No norte Lajares forma uma junção atraente da rede de estradas com moinhos de vento característicos. Inúmeros surfistas passam pela pequena cidade de Lajares a caminho dos pontos.

 

La Oliva

Também no norteLa Olivia com suas palmeiras, fica onde costumavam estar os olivais. Prédios históricos testemunham a época em que La Oliva era a sede dos coronéis militares. Os amantes da arte ficarão emocionados com a Casa Mane.

 

Antigua     

No centro está o Antigua as casas brancas contrastam lindamente com a terra avermelhada do vale ao redor da cidade. Leguminosas e cereais foram cultivados aqui. O grande moinho de vento de Antígua e as magníficas mansões testemunham a importância anterior do local.

 

Pajará

E é no vilarejo Pajará, emoldurada por montanhas altas de 600m, que está localizado um vale verde. No coração do local bem cuidado há uma igreja paroquial que vale a pena ver. Seu magnífico portal surpreende com motivos de pedra, como cabeças indianas ou grandes felinos.

 

Tuineje  

No sul do maciço central, não muito longe de Pajara e Antígua, Tuineje fica longe da agitação, mas bem perto da impressionante cordilheira e a reserva natural de Malpais Grande.

 

Tindaya

A pequena vila de mesmo nome fica abaixo da famosa Montana de Tindaya, no norte de Fuerteventura. A vila no sopé da “montanha sagrada” vale bem a visita.

 

A Capital – Puerto del Rosario

Puerto del Rosario, capital de Fuerteventura, com um grande porto, convida o visitante com um toque típico das Canárias, passeio e edifícios históricos. Há muita atividade, especialmente no distrito portuário restaurado de Puerto del Rosario e nas praças do centro da cidade.

 

Para Fazer    

Barco a Isla de Lobos

Passeio de barco que demora entre 15 e 20 minutos a partir de Corralejo, até à Isla de Lobos. O passeio custa cerca de 15€ ida e volta.

As melhores praias são La Concha e El Puertito. A água é azul, transparente e agradável temperatura. Na ilha há ainda um vulcão que pode ser visitado.

 

Passeio de barco a Lanzarote

Se quiser aproveitar para conhecer mais uma das Ilhas Canárias, poderá fazer o passeio de barco de um dia para Lanzarote, com saída de Corralejo.

 

Para Comer

A comida em Fuerteventura é saudável, simples e muito saborosa. Ervas frescas e uma preparação refinada fazem dos cardápios verdadeiras iguarias.

Como entradas encontrámos uma grande variedade que a seguir apresentámos:

Almogrote: purê de queijo de cabra ralado maduro, pimenta, tomate, azeite e alho.

Potaje de berros: uma sopa saudável feita de espiga de milho, cebola, feijão, costelinha de porco, batata, temperada com agrião fresco, pimentão, sementes de cominho e sal.

Ropa vieja: O popular guisado de grão de bico com diferentes carnes, tomilho e vinho.

Garbanzas: Variante vegetariana da ropa vieja.

Garbanzas compuesto: grão de bico com carne de porco.

Rancho Canario: sopa com macarrão e legumes.

Puchero: ensopado com legumes cozidos e carne.

Gofio: mistura de milho torrado e farinha de cevada, não é servido apenas com quase todos os pratos, os Canarios também polvilham em café e vinho. Gofio con miel definitivamente vale a pena tentar, junto com queijo de cabra, mel e amêndoas e cortado em fatias.

Como pratos principais, Fuerteventura oferece uma grande diversidade de peixe fresco, grelhado ou frito, há para todos os gostos. A preparação à la espalda é a mais suculenta. Em seguida, o peixe é aberto e frito levemente com ervas e alho.

Os habitantes locais têm uma propensão a pratos saudáveis ​​de carne. Recomendamos o coelho em molho de vinho branco à base de plantas (conejo en salmonejo).

Há também cabrito com uma preparação semelhante à anterior. Costeleta (chuleta), frango (pollo) e filé (solomillo) podem ser encontrados em todos os menus. 

Para acompanhamentos há Papas arrugadas com mojo: O molho está disponível em duas versões. Um é vermelho e muito afiado. Os habitantes locais usam pimenta e pimentão como ingredientes. O outro é verde e tem muitas ervas típicas. Ambos são muito picantes e são servidos principalmente com pratos de peixe. O aspeto especial das batatas é a crosta de sal. Por fim, as batatas são fervidas em água do mar até que os cristais de sal sejam depositados na pele. Combinado com o molho e o peixe fresco, isso resulta em um prato simples, mas imbatível.

As saladas são simplesmente preparadas com tomates, cebolas, azeitonas, pimentas, milho, abacate. Tudo é mais ou menos cortado e não temperado. Depois tempera-se individualmente com o óleo, vinagre, sal e pimenta.

No que à doçaria diz respeito, há:

Pudim: creme com molho de caramelo.

Frangollo: pudim de milho.

Quesillo: Para quem gosta de doces, é uma espécie de pudim de caramelo.

Príncipe de Alberto: Creme de chocolate com lascas de amêndoa.

Bienmesabe: creme de amêndoa com gema de ovo e mel.

Tarte de cuajada: bolo de requeijão feito com creme de queijo e ovos.

 

Para Ficar

 Occidental Jandía Playa

Nós ficámos hospedados no hotel Occidental Jandía Playa, um resort de 4 estrelas do Grupo Barceló Hotel, antigo Barceló Jandía Playa.  Está localizado no sul da ilha, em frente à espetacular praia de Jandía.

O complexo recebeu o Thomas Cook Marque of Excellence, uma distinção que premia os mais altos padrões de qualidade.

Possui 534 quartos e as suas instalações foram projetadas para tornar suas férias uma experiência inesquecível. Os membros mais jovens da família podem desfrutar do Barcy Club e os adultos podem relaxar no Sanagua Spa & Wellness , que possui sauna, banheira de hidromassagem, piscina aquecida e estúdio de fitness, além de outros serviços e tratamentos. 

Os hóspedes podem escolher entre meia pensão , tudo incluído ou o serviço especial OCCIDENTAL + nos quartos Deluxe Sea View , para que se possa desfrutar de diferentes opções culinárias e uma grande variedade de bebidas nos bares do hotel.

O hotel Occidental Jandía Playa é sem dúvida a melhor opção para quem deseja desfrutar de estadia de excelência.

Mais Informações >

Share this post

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on google
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email

Sobre

Olá, o meu nome é Carla Ferreira. Vivo em Viseu com a minha família, o marido Leonel e as filhas Sofia e Francisca.

Somos apaixonados pelo mundo, pela Natureza, pelas pessoas, culturas e tradições. Somos inquietos, sempre com uma vontade enorme de explorar mais e mais, de estar constantemente à procura. Privilegiamos muito o conhecimento, a valorização, a preservação e a sustentabilidade do planeta Terra. 

Explorar o mundo e partilhá-lo com as pessoas são das coisas que mais gostamos de fazer.

Artigos Recentes

Like Me on Facebook

Follow me on Instagram