Carla & Leonel

Carla & Leonel

Monte da Apariça – Serenidade na Planície Alentejana

Deixamos o asfalto entre Castro Verde e Mértola, para seguir as placas que nos indicaram o caminho até ao Monte da Apariça. Sabíamos de antemão que a longa estrada de terra batida nos levaria para um lugar especial.

Ao fundo, entre animais e searas douradas, surgiu uma herdade onde os aromas se misturam e nos dão conta de que estamos num ambiente muito tranquilo. À nossa espera, a simpática Alexandra, rapidamente nos encaminhou para a nossa Villa.

O Monte da Apariça é residência permanente de Alexandra e Jorge, bem como dos respetivos filhos, Mariana e Francisco. É nesta propriedade familiar que, para além do Turismo em Espaço Rural, se dedicam à exploração agropecuária.

O dia estava quente. A Villa T1 que nos acolheu estava fresca e cuidadosamente preparada. Existem mais duas Villas, uma T0 e uma T2, cada qual com o seu alpendre, no qual existe uma zona de refeições e lounge, e os cavalos como vizinhos.

A casa possui um quarto amplo com armários de alvenaria, com uma cama de casal extra-large e um sofá-cama duplo, uma casa de banho com duche, sala comum com recuperador de calor, Smart TV LG com ligação wireless, ar condicionado, mesa de refeições, sofá com chaise-long, cozinha completamente equipada, com máquina de lavar a loiça, frigorifico com congelador, forno e Microondas, máquina de café Nespresso, máquina de café de filtro, espremedor de citrinos, torradeira, chaleira, utensílios de cozinha e loiça.

Decoradas de uma forma confortável e campestre, proporcionam uma estadia serena e acolhedora. Os tons brancos misturam-se com os tons neutros. As peças antigas dão um toque especial.

A vista é soberba. Estamos no Alentejo, não poderia ser de outra forma. À nossa frente a piscina infinita, partilhada pelas três villas, completa o cenário que se estende pelo horizonte longínquo. As tolhas estão disponíveis no cestinho à entrada da casa.

Foi por aqui que ficamos até ao por do sol, momento em que deixamos a espreguiçadeira para percorrer de bicicleta a herdade e partir à descoberta de cada cantinho. As mais novas ficaram a fazer o jantar.

No monte, existe uma barragem que acolhe patos e outras espécies de aves de grande interesse para o os amantes de Birdwatching. A observação das aves é o coração da Apariça. Neste espaço é possível observar aves únicas, muitas das quais espécies protegidas. Existem na herdade vários nichos de observação preparados para os visitantes.

Com frequência e em determinadas alturas do ano, podem ser observadas aves muito raras, como as cegonhas pretas, colhereiros, diversas espécies de patos, flamingos, gansos do Egipto, lontras entre outros, devido à proteção e sossego que estes animais encontram neste habitat único.

O Monte da Apariça é o local ideal para os adeptos das atividades ligadas à Natureza. Os seus 800 hectares, delimitados pela Ribeira de Cobres, possui várias Charcas e zonas distintas, como a Estepe, o Montado do Azinho e Sobro, e uma zona de pinheiros. São muitos hectares que podem ser explorados a pé, de bicicleta, com diversos locais para piqueniques.

Por marcação, podem realizar-se as atividades como pesca, hides para fotografia ou passeios de jipe 4X4 para observação de aves.

De regresso a casa, o jantar encontrava-se na fase final. Momento perfeito para degustar um vinho branco junto à piscina enquanto observamos o sol a desaparecer ao longe.

Jantamos no alpendre. O espaço convida a refeições prolongadas. Entre conversas e boas gargalhadas, a noite foi chegando de mansinho.

De repente, um manto de estrelas cintilantes cobriu a herdade que, ao sabor da brisa quente de verão, se preparou para mais uma tranquila noite na imensidão da planície alentejana.

Dormir num local assim é muito aprazível. Pouco mais se ouve para além do silêncio. Apenas os sons dos animais noturnos embalaram o nosso sono que, diga-se de passagem, foi retemperador.

Se a noite foi serena, o acordar também o foi. Abrimos a janela e deixamos entrar o cheiro matinal ainda fresco. Os cavalos já se encontravam a vaguear junto à cerca que circunda a Villa.

 

O pequeno almoço foi preparado por nós. Sobre a mesa, havia ovos mexidos com bacon, iogurte natural, sumos, croissants, pão alentejano e muita fruta.

Para os mais preguiçosos e, sob marcação, o alojamento disponibiliza serviço de pequeno almoço. Por um custo adicional, preparam uma cesta que é entregue na villa entre as 9 e as 11h que inclui pão alentejano e de cereais, queijo de cabra fresco, fiambre de peru fumado, painho de porco preto da região, queijo de ovelha curado, fruta, leite, café, chá, sumo de laranja, iogurte, manteiga, doce, croissants, queques ou bolo fatiado, ovo cozido, mexido ou estrelado.

Despedimo-nos da herdade com a promessa de regressarmos em breve. Afinal uma noite é muito pouco para um local tão bonito e afável.

 

Informação Útil

Morada: Monte da Apariça, Entradas, Castro Verde

Telef. 937504089

Preço: 215€ Só alojamento (julho – Villa T1) / 20€ por pessoa (Pequeno-almoço)

Mais Informações >

Share this post

  • Home
  • Hoteis
  • Monte da Apariça – Serenidade na Planície Alentejana

Sobre

Olá, somos a Carla, o Leonel, a Sofia, a Francisca, e adorámos partir à descoberta do mundo juntos!

Aqui, partilhámos os vários destinos que já visitamos, os hotéis onde ficamos hospedados e os restaurantes que experimentámos. Queremos inspirar quem nos visita, a viajar e a experimentar, pois consideramos que a vida é uma soma de experiências e uma constante procura. Nesta procura, buscamos locais, espaços, gastronomia, cultura, pessoas e, acima de tudo, a felicidade que é poder conhecer, valorizar e preservar o mundo maravilhoso que temos.

Artigos Recentes

Like Us on Facebook

Follow us on Instagram