Sofia & Francisca

Sofia & Francisca

Parque Arqueológico do Vale do Côa – Kids

          

 

“Pequena”

Partindo à descoberta de novas formas de conhecermos a História dos nossos antepassados, decidimos visitar Vila Nova de Foz Côa, com o objetivo principal de conhecer as pinturas rupestres que fazem parte do Parque Arqueológico do Vale do Côa, e que coincidia com os conteúdos que estava a aprender na disciplina de História. Como sabemos, é sempre mais interessante e enriquecedor este tipo de experiências/ conhecimento nos contextos reais, pois uma coisa é estarmos a ouvir falar de um assunto, outra coisa é ver e estar em contacto com essas questões, por isso gostámos tanto de ver o mundo de perto.

Começamos o dia com uma visita ao museu. O espaço onde está localizado tem uma arquitetura muito bonita e está muito bem integrado na paisagem, paisagem esta fantástica. O museu possui muita tecnologia e réplicas muito bem conseguidas. A visita é acompanhada por um áudio guia, o que nos ajuda bastante a compreender determinados assuntos. No final há algumas atividades pedagógicas para complementar a visita.

          

Depois, fomos para a aldeia de Castelo Melhor, onde nos esperava a guia e o jipe que nos levou pelas encostas abaixo, até junto do rio, para o local da Penascosa, onde iniciámos o nosso percurso.

Achámos uma experiência muito interessante desvendar todas aquelas gravuras. O que no início parecia complicado interpretar, no final da visita a interpretação já saía com mais facilidade. Tal como dizia a guia “no final do percurso já não vão ter dificuldade em identificar”, e assim foi, no decorrer da visita vamos aprendendo a identificar os desenhos.

E assim terminou mais um dia de conhecimento e valorização do nosso património histórico.

          

 

“Mais Pequena”

Um dia, e porque a mana estava a estudar as pinturas rupestres na escola, decidimos ir a Vila Nova de Foz Côa conhecer de perto o que ela, e eu também, víamos nos livros. Quando lá chegamos fomos conhecer o museu e aprendi muitas coisas sobre as gravuras e sobre os antepassados. Depois fomos de jipe, o que eu gostei imenso, para junto do rio, onde estão as gravuras desenhadas nas pedras. Ao início não estava a perceber muito bem os desenhos, mas com a ajuda da guia fui percebendo melhor tudo aquilo e conseguindo identificar o que estava desenhada em cada uma das pedras. Os desenhos são muito engraçados, pois sobrepõem-se uns aos outros e mostram-nos o que os antepassados faziam. Achei muito interessante conhecer um pouco do modo de vida das pessoas que cá viveram há muitos, muitos anos atrás.”

          

Share this post

Sobre

Olá, somos a Carla, o Leonel, a Sofia, a Francisca, e adorámos partir à descoberta do mundo juntos!

Aqui, partilhámos os vários destinos que já visitamos, os hotéis onde ficamos hospedados e os restaurantes que experimentámos. Queremos inspirar quem nos visita, a viajar e a experimentar, pois consideramos que a vida é uma soma de experiências e uma constante procura. Nesta procura, buscamos locais, espaços, gastronomia, cultura, pessoas e, acima de tudo, a felicidade que é poder conhecer, valorizar e preservar o mundo maravilhoso que temos.

Artigos Recentes

Like Us on Facebook

Follow Us on Instagram