Carla Ferreira

Carla Ferreira

Ronda – Espanha

#Continuandoàprocura de locais pelo Sul de Espanha, estivemos na bela cidade de Ronda, que fica a 95Km de Málaga e a cerca de 60Km de Marbella, na Andaluzia, a cerca de 1h 15 de carro por uma estrada sinuosa de montanha, mas com umas vistas fantásticas para a paisagem circundante e para as mansões ao estilo de Hollywood, junto a Marbella.
 
 
Ronda é uma das cidades mais antigas de Espanha com cerca de 40.000 habitantes e é conhecida como a cidade-berço das touradas e por ser destino obrigatório e de passagem para os viajantes românticos.
Esta maravilhosa cidade fica situada sobre uma planície rochosa a 740 metros acima do nível do mar. Existe um precipício conhecido como “el Tajo de Ronda” (Penhasco de Ronda), por onde passa o rio Guadalevín a 150 metros abaixo, que divide a cidade em duas partes: de um lado fica a parte mais antiga cercada por uma muralha e com vários prédios da época da colonização sob o domínio mouro, e do outro, a parte moderna.
 

Ao avistar a cidade ficámos surpreendidos pela beleza da mesma, tudo é muito bonito. Há três pontes incríveis sobre o Penhasco de Ronda que interligam as duas partes da cidade e que oferecem vistas espetaculares sobre a mesma: a Ponte Nova (Puente Nuevo) que está situada sobre a “Garganta del Tajo” junto à Ponte Velha (Puente Viejo) e a Ponte Árabe (Puente Árabe).
 

El Puente Nuevo é o maior símbolo de Ronda, é imponente, tem 98 metros de altura, com um arco principal, mais dois laterais, é uma das obras arquitetónicas mais impressionantes de Espanha, tendo sido construída entre 1759 e 1793. Além da ligação entre ambos os lados da cidade, também serviu como prisão. Ao pé da ponte, há mais um arco que adorna uma bela cachoeira que dá fim ao Tajo. Para visitar o interior da ponte há um custo de 2€.

 
 
 
A cidade tem vários edifícios históricos e atrações turísticas culturais, como o palácio de Mondragón, um exemplar do século XVIII onde se misturam os estilos mudéjar, gótico e renascentista. Além disso, aloja o museu de História da cidade, que permite conhecer a evolução da cordilheira desde os tempos Ibéricos até à atualidade. Há também o Palácio do Marquês de Salvatierra, a Igreja Matriz, a casa do Rei Mouro (Casa del Rey Moro), com um custo de 8€ para quem quiser visitar, e a do Gigante junto ao fundo do Tajo, com acesso pelas escadas, na zona antiga.
 
 

Ao fundo do precipício que dá corpo à cidade de Ronda ficam os famosos banhos Árabes, no antigo Arrabal Bajo ou bairro das Curtidurías, que vale a pena visitar, não só pela sua antiguidade (século XIII), mas também pelo seu excelente estado de conservação, tratando-se dos principais banhos do período Islâmico de Espanha.

 

Na zona moderna, encontra-se a Pousada (Parador de Turismo) construída sobre o que antes fora o conjunto de edifícios da Câmara Municipal (Ayuntamiento) e do Mercado Municipal (Mercado de Abastos), o Parque da Alameda com varabdas sobre o Tajo, onde está presente o novo Teatro Espinel, as igrejas do Socorro, da Misericórdia, entre outros.

 
A praça de touros de Ronda, construída em 1785, foi a primeira a ser erguida em pedra, propriedade da “Real Maestranza de Caballería de Ronda”, é uma das maiores e mais antigas do mundo, e foi lá que no século XVII a atividade passou a ter o status de arte. Hoje em dia, as touradas são recriminadas por muitos, mas a visita ao monumento é uma das grandes atrações em Ronda. É palco de uma das corridas de touros mais tradicionais de Espanha, que acontece no início de setembro, a “Corrida Goyesca”.
 
 
Para descansar existe uma variedade grande de hotéis e pousadas. Com localização privilegiada destacámos o Parador de Ronda, ao lado da Puente Nueva, por apelar ao relax e à tranquilidade, para não falar das vistas.
Para comer, há também várias opções de restaurantes. Pode-se experimentar as famosas “tapas”, petiscos de diversos sabores, restaurantes de gastronomia local, sendo o forte da região o Rabo de Toro, ou então se preferir há fast food. Caso opte pelas iguarias regionais, um local interessante é o restaurante Pedro Romero situada em frente à praça de touros.
Pouco sabíamos sobre esta cidade, no entanto, nunca imaginámos encontrar o que encontrámos, ver o que vimos, ao ponto de afirmarmos que será, talvez, um dos nossos destinos preferidos em Espanha. É simplesmente maravilhosa!
 

 

Share this post

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on google
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email

Sobre

Olá, o meu nome é Carla Ferreira. Vivo em Viseu com a minha família, o marido Leonel e as filhas Sofia e Francisca.

Somos apaixonados pelo mundo, pela Natureza, pelas pessoas, culturas e tradições. Somos inquietos, sempre com uma vontade enorme de explorar mais e mais, de estar constantemente à procura. Privilegiamos muito o conhecimento, a valorização, a preservação e a sustentabilidade do planeta Terra. 

Explorar o mundo e partilhá-lo com as pessoas são das coisas que mais gostamos de fazer.

Artigos Recentes

Like Me on Facebook

Follow me on Instagram